ARTIGOS

 
15 - Estratégias Relacionais para Envolver Toda a Sua Igreja

Uma das questões mais comuns que ouço líderes de igrejas perguntarem é: "Como podemos conectar as pessoas de nossos cultos de celebração com pequenos grupos?"

Eu tenho explorado esta questão há algum tempo e percebi que não existe uma resposta fácil. No entanto, eu testei várias soluções que são bíblicas e práticas. Elas também são radicais e simples. Aqui estão elas:

1. Restaure a Definição de Igreja do Novo Testamento
Definições modernas da igreja enfatizam a organização, o prédio, e adoração em grande grupo. No entanto, a definição bíblica de igreja é o Corpo de Cristo. Onde dois ou três, ou mais, se reunirem no nome de Jesus, isso é a igreja.

2. Lidere o “Caminho/Modo”
Em seu livro “O Caminho Relacional” (tradução livre), Scott Boren diz, "As estruturas de grupo só facilitam a experiência de comunidade quando os líderes abraçam um modo de vida que manifesta as práticas da comunidade espiritual. (…) Se nós não praticamos a comunidade relacional em nossa liderança, então nós não devemos esperar como resultado que a comunidade esteja dentro de nossos grupos". Líder, certifique-se que você esteja liderando o caminho!

3. Desenvolva uma Estratégia Relacional
Descubra onde Deus já está se movendo, como as pessoas em sua igreja já estão conectadas, quais formas de se relacionar e conectar vêm naturalmente para a sua igreja, e que cultura você já tem para se conectar.

Monte uma equipe que discute sua estratégia de conexão. Esta equipe é muito mais do que apenas uma equipe de planejamento. Eles mesmos devem estar em comunidade espiritual, jantando juntos, compartilhando suas histórias uns com os outros, tornando-se verdadeiros amigos.

4. Equipe o Povo de Deus para Conectar Todos
Seu papel como líder é "equipar o povo de Deus para fazer o Seu trabalho e edificar a igreja, o Corpo de Cristo" (Ef. 4:12). O povo de Deus precisa ser equipado, posto em liberdade, e mobilizado para se conectar com os outros. Este é uma teologia "sacerdócio de todos os crentes".

Parte de sua estratégia incluirá permitir que o povo de Deus em sua igreja tenha a liberdade e flexibilidade para formar uma variedade de tipos de grupos. Os grupos não são iguais. Como os grupos são formados por pessoas com diferentes personalidades, paixões e propósitos, assim serão os seus grupos.

5. Ajude as Pessoas a se Conectarem Onde Quer que Elas Estejam
Um papel vital da liderança é tornar a conexão em pequenos grupos tão fácil e acessível quanto possível. Isto inclui a utilização de uma variedade de diferentes tamanhos de agrupamentos. Torne mais fácil a conexão com um grupo onde as pessoas já estão em sua igreja. Algumas igrejas ajudam as pessoas a se conectarem em grupos por meio de suas crianças e ministérios de estudo, por exemplo.

Essas cinco estratégias são apenas um começo, é claro, para ajudar as pessoas a se conectarem. Começar a pensar sobre estas questões, perguntar e responder as perguntas certas, vai te ajudar não só a assimilar as pessoas em pequenos grupos, mas a começar a restaurar a igreja relacional—o Corpo de Cristo—que Jesus fundou.  

Por Michael Mack
Em 22 de Maio de 2015

 




Artigos por tema




Artigos por Autor